segunda-feira, 31 de janeiro de 2011





Tem os que passam
e tudo se passa
com passos já passados

tem os que partem
da pedra ao vidro
deixam tudo partido

e tem, ainda bem,
os que deixam
a vaga impressão
de ter ficado

Alice Ruiz

4 comentários:

  1. Bela seleção, Tadeu...! Excelentes poemas... Mas, e os teus? Saudades de os ler... (Vim matar!)
    E tu? Por onde andas???

    Paz e Bem! Axé!

    ResponderExcluir
  2. Oi Luciana,

    Tô quebrando a cabeça com a monografia para concluir o curso de economia. Tinha começado um novo livro, 7 poemas, mas dei um tempo. Em breve tornarei a publicá-los. Valeu!!!

    ResponderExcluir
  3. e tem, ainda bem,
    os que deixam
    a vaga impressão
    de ter ficado
    Esses sempre ficam

    Alice se importaria com uma frase a mais? Acho que não.

    Faz tanto tempo que não venho aqui... Passei quase meia hora tentando achar. Valeu a pena.

    Bom domingo!

    ResponderExcluir